Ka Parade: não vote em mim!

Ouviram falar no Ka Parade, um evento aqui da província? Pois então, resolvi participar com o intuito de ver qual era o barato de projetar em cima de um carro e porque a a concessionária fica muito perto aqui de casa, então não custava ali levar, né?

Atenção, muita atenção: esse não é um pedido pra que vão lá no site e votem em mim. Não vão conseguir. Por quê? Sou hors concours. Em bom francês, quer dizer: não foi selecionado. Très elegant, n’est-ce pas?

Ka Parade Thiago Esser
Voilà!

Imbuido do mais nobre espírito esportivo e indo além da proposta do concurso, proponho um reflexão sobre o meu “Ka parado” (todos estão, mas vamos colocar um combustível a mais nessa idéia).

Começando pelo nome. Em geral, nomes de trabalho me ocorrem em fração de segundos, e depois vão se assentando. Ficão ou se vão. O que ficou é Pergunte ao Rádio.

Mas, e o que é que ele diria?

O meu mote era esse: lá está uma radiola das antigas cercada por uma penca de cabos de fibra ótica. Eles vieram perguntar ao rádio. A internet, mídia nova e inicialmente estruturada por uma intrincada rede de cabos, querendo aproveitar o know-how da mais antiga das tecnologias wireless (ó o superlativo aí gente!) , o rádio.

Nessa mesma linha de questionamento, o recente número do Vlog Número Primo coloca em questão a morte das mídias sociais (mas elas ainda nem nasceram!) e fala sobre a intersecção entre os meios de comunicação ao longo da história.

Lá talvez encontrem alguma pista sobre o que ele diria.

Deixe uma resposta +

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s