Performance na Casa M: “Motéis”

A alguns chamou a atenção a palavra motel do convite. Motel Santo Antônio, penso agora, o motel dos santo que abençoa os casais.

Vamos penetrando na Casa M, a convite do mestre de cerimônias. Ele não faz cerimônia alguma. De pé num balcão, ele nos chama com um assovio moleque de rua: “Vamos brincar de ver, ouvir e sentir?”

Sexo na sala escura. Ouço uma mulher que geme em português. Sim, são os gemidos de um pornô brasileiro, minha imaginação se ufana em pensar. Têm mais tesão do que os “Oh, God!” e “fuck-me!” importados.

Lá fora, a chuva pára pra nós comtemplarmos melhor. Alguns a amaldiçoavam — prazenteiramente — duas horas antes: “É chuva de molhar trabalhador logo quando está saindo da labuta!” Então agora ela pára pra não estragar o nosso prazer.

Enterrados na escaldante areia vermelha, estão uma cama e um casal em roupas íntimas. A trilha sonora toca, à milhão, um remix de uma peça clássica.

O casal dança na cama. E não digo isso só porque lá no convite está escrito dançarino. Fica claro pra mim que aquilo é a dança dos amantes na cama, e mais que uma simples imitação do sexo. O gajo e a rapariga movem seus corpos em todos sentidos. Trepam um no outro. Riem e choram. É todo o jogo amoroso celebrado ali naquela cama.

Durante as performances, curto muito observar os olhares das pessoas. É nos nossos olhares que elas vivem. Uma mulher se debruça atenta observando tudo da janela do prédio ao lado. Numa outra janela, uma criança aparece e dá de cara com a sala dos gemidos, misturados com a trilha à milhão. Viro minha cabeça pra olhar algo. De volta à janela do guri, ela está fechada.

Finda a performance, todos aplaudem. Não gosto muito de aplaudir as performances, e não é por ingratidão. É que os aplausos dão um ar tão começo-meio-fim, um ar de teatro. Elas são diferentes disso, as performances… são o teatro mais misturado à vida. Gosto de pensar que não acabam ali, que continuam, por exemplo, neste texto. Esse é o meu aplauso.

Deixe uma resposta +

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s