Bad UX: acesso restrito no elevador

Qual foi a última vez que você teve algum problema com o seu banco, ao pagar uma conta ou ao sacar dinheiro? Provavelmente você praguejou um pouco, e logo após algumas tentativas, com sorte, você conseguiu resolver seu problema e seguiu a sua vida — sem se queixar.

Agora troque o banco por um elevador de um hotel baixo custo. Fique com o cartão a postos. Agora aprenda rapidamente como usá-lo antes que as portas se fechem ou que alguém chame o elevador em outro andar. Alternativamente, leia as instruções (sem muita demora):

20121112-120910.jpg

Quando vejo algo assim, fico dividido. Ao mesmo tempo que sei que essa solução foi desenvolvida por alguém (um colega designer, quem sabe) com a melhor das intenções e sob determinadas condições restritivas, penso também: poderia ser projetado de outra forma?

O fato é que vi algumas pessoas se atrapalhando e passeando de elevador sem querer (eu incluso). O que fazer? Engolir o choro e ir em frente?

2 Comments +

  1. Ainda não tive a “oportunidade” de ficar em um hotel com elevadores bloqueados, mas suponho que um dos problemas seja o hospede pressionar o botão sem ter inserido a chave, resultando em o elevador ignorar o comando do indivíduo.

    Para este caso, que tal se tal se colocassem uma “janela” transparente que precise ser levantada para abrir na frente do painel dos botões? A janela é travada, e pode aberta com a chave do hospede. Soltar a janela faria com que ela voltasse para a posição de repouso, travada.

    A vantagem que vejo numa solução dessas é que haveria uma barreira física impedindo o pressionamento do botão, e o hospede teria certeza de que precisaria fazer alguma coisa para dar um comando ao elevador. Até mesmo as instruções poderiam ser mais simples, com uma mensagem “use sua chave para liberar os controles” apontando para a entrada da chave. A desvantagem que vejo é que dar um comando ao elevador seria mais demorado, pois o hospede teria o passo adicional de abrir a janela em relação atual.

    Curtir

    1. Legal a tua idéia, Leonardo.

      Parece que o bloqueio nos elevadores, nesses hotéis com pessoal reduzido, é barrar o acesso de não-hóspedes nos andares, isto é, uma questão de segurança, ao que parece.

      Com certeza, partindo desse requisito básico, a gente poderia sair com mais umas quantas idéias!

      Abs

      Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s